Skip to content

Agenda de Concertos 2016

26 de janeiro de 2016

Queridos público, admiradores, expectadores, músicos e amigos da Série Música de Primeira,

É com enorme prazer que apresentamos a lista preliminar de concertos para a temporada 2016. Esperamos que esta seleção receba acolhida no paladar musical de todos.

Desejamos um ano de crescimento pessoal e de vitórias sobre nossos desafios. Que o amor, a saúde, a alegria e a paz sejam uma constante em nossos corações.

Esperamos por todos vocês, com o nosso carinho habitual.

Bons concertos,

______________________________________________________

Agenda de Concertos 2016 da Série Música de Primeira

  •  Mar | Grupo Vocal Boca Que Usa
  •  Abr | Duo Ferreira Richter
  •  Maio | Quarteto Brasileiro de Trompas
  •  Jun | Studio Malibran
  •  Jul | Trio de Cordas e Piano (Daniel Albuquerque, Fabio Coelho e Ednaldo Borba)
  •  Ago | Parceria – Cello Encounter
  •  Set | Parceria  – Festival Internacional de Trombones da UNIRIO
  •  Out | Grupo de Trompetes (Responsável: Nilson Coelho)
  •  Nov | Quinteto Carioca
  •  Dez | Quinteto de Metais MP5

Concerto Especial de Lançamento do CD do “Trio Paineiras”, em data ainda a definir.

______________________________________________________

Edital 2016

4 de dezembro de 2015

A Série Música de Primeira tem o prazer de abrir seu edital para as propostas de concerto para uma das dez edições de 2016.

Esperamos sua inscrição.

 

Edital 2016

  • Apresentação

 

  1. A Série Música de Primeira é uma iniciativa da Orquestra e do Ministério de Música da Primeira Igreja Batista do Rio de Janeiro. Voltada para música de concerto com formação de câmara, a série apresenta concertos mensais gratuitos entre os meses de março e dezembro, com músicos e grupos de destaque no cenário da música de câmera nacional e internacional.
  2. Em seus sete anos de existência, a SMP apresentou 70 concertos de alta qualidade, recebendo músicos com carinho e buscando proporcionar a concertistas e expectadores o melhor ambiente de interação e troca, por meio da difusão da música de concerto.

 

  • Cronograma

 

  1. INSCRIÇÕES: até 20 de dezembro de 2015.
  2. RESULTADO: até 15 de janeiro de 2016.

 

  • Inscrições

 

  1. As inscrições serão aceitas até 20 de dezembro de 2015;
  2. O canal válido para inscrições será exclusivamente o e-mail editalsmp@gmail.com;
  3. As seguintes informações deverão constar no e-mail para a inscrição:

 

  1. Nome do grupo;
  2. Release do grupo;
  • Contato responsável pelo grupo, com e-mail e telefones fixo e celular;
  1. Foto artística para divulgação em alta definição;
  2. Programa sugerido (40 a 50 minutos); e
  3. Link no YouTube com vídeo do grupo.

 

  1. A falta de alguma das informações listadas no item 1.3 inviabilizar a classificação do grupo;
  2. A avaliação dos grupos e músicos proponentes se dará por equipe qualificada designada pela coordenação da SMP ou por ela própria, com liberdade para selecionar e distribuir os mesmos de acordo com as performances, propostas de concerto e o encadeamento da programação das dez edições do ano;
  3. Os grupos selecionados receberão retorno pelo e-mail editalsmp@gmail.com, e poderão ser contatados também pela coordenação da SMP para confirmar sua participação na edição alocada;

 

 

  • Regulamento

 

  1. Não serão aceitas inscrições fora do prazo;
  2. As apresentações serão feitas na Primeira Igreja Batista do Rio de Janeiro, situada à Rua Frei Caneca, 525 – Estácio;
  3. As datas previstas para os concertos são:
    1. 1ª edição em 03/mar/2016
    2. 2ª edição em 07/abr/2016
  • 3ª edição em 05/mai/2016
  1. 4ª edição em 02/jun/2016
  2. 5ª edição em 07/jul/2016
  3. 6ª edição em 04/ago/2016
  • 7ª edição em 01/set/2016
  • 8ª edição em 06/out/16
  1. 9ª edição em 03/nov/2016 e
  2. 10ª edição em 01/dez de 2016;

 

  1. No caso de alteração na data do concerto por motivo de força maior, o grupo selecionado para a referida edição poderá ser comunicado com antecedência de até uma semana;
  2. Caberá a direção artística/coordenação da SMP definir a disposição dos grupos selecionados nas datas disponíveis;
  3. Os concertos terão início impreterivelmente às 19h30min;

 

  • Disposições Gerais

 

  1. A direção artística da série é soberana no julgamento e escolha dos grupos vencedores, bem como eventual adaptação ou mudança no programa, não cabendo recursos dos candidatos;
  2. Os concertos da SMP são gratuitos, não sendo oferecido cachê aos participantes;
  3. Será oferecido pela Série Música de Primeira:

 

  1. Piano;
  2. Até 10 cartazes e até 1000 flyers para divulgação, conforme solicitação prévia pelo grupo, por escrito à coordenação da SMP, com o mínimo 30 dias;
  • Até 20 vagas para estacionamento de automóveis, sem marcação e havendo disponibilidade no pátio da instituição;
  1. Transmissão ao vivo pela internet;
  • Parágrafo Único

A coordenação da SMP poderá a qualquer tempo e conforme sua necessidade, ajustar, corrigir ou alterar as determinações deste edital.

 

Rio de Janeiro, 01 de dezembro de 2015.

 

Série Música de Primeira – Equipe de Coordenação

Trio Paineiras na SMP em 3/dez.

26 de novembro de 2015

Série Música de Primeira apresenta TRIO PAINEIRAS, na edição de 3/dez.

 

A Série Música de Primeira apresenta o TRIO PAINEIRAS na edição de 3/dez. Composto por Batista Jr. – Clarineta, Marco Catto – Violino/Viola e Marina Spoladore – Piano, o grupo apresenta composições de excelente bom gosto.

A formação camerística incluindo Violino, Clarineta e Piano é relativamente nova sendo suas mais conhecidas obras compostas no século XX. Compositores como Bartók, Stravinsky, Berg, Milhaud, Khachaturian,  escreveram as mais significativas obras para esses três instrumentos, solidificando assim esta formação e tornando-as referências  na escrita.

Em 1972 com a criação do Verdehr Trio – nasce um crucial projeto de ampliação do repertório, onde  mais de 200 obras para Violino, Clarineta e Piano foram escritas e gravadas.

No Brasil, temos um crescente número de obras desde meados do século XX até hoje. Compositores como Ernest Mahle, Luiz Pardal, Ricardo Tacuchian, Dimitri Cervo, Liduino Pitombeira,  investiram na formação alternando-a por vezes entre Violino/Viola, Clarineta/Clarone e Piano.

Formado por 3 músicos atuantes no cenário da música de câmara e música sinfônica do Rio de Janeiro e também ligados à atividade acadêmica nas universidades UFRJ e UNIRIO,  o Trio Paineiras beneficia-se da versatilidade da formação para Violino ou Viola e Clarineta ou Clarone junto ao Piano, tendo como proposta clara a divulgação do repertório tradicional escrito, além da divulgação e incentivo à criação de novas obras por compositores brasileiros. Dando sequência a esse projeto o Trio Paineiras segue em fase de gravação do seu primeiro CD, com obras escritas e dedicadas ao grupo e compostas por compositores residentes no Rio de Janeiro.  Sérgio de Oliveira, Liduino Pitombeira, Rami Levin, Pauxy Nunes e Marcos Lucas – idealizaram e compartilham junto com o Trio Paineiras esse pioneiro projeto no Rio de Janeiro e no Brasil.

PROGRAMA:

1ª parte

Cláudio Santoro (1919-1989)

– Dansas Brasileiras

Carlos Guastavino (1912-2000)

– Rosita Iglesias

Camargo Guarnieri (1907-1993)

– Canção Sertaneja

2ª parte

Liduino Pitombeira (1962- )

– Fantasia Sobre a Muié Rendêra

Dmitri Shostakovich (1906-1975)

– Cinco Peças

Luiz Pardal (1967-  )

– Suíte Arcortrio

SERVIÇO:

Série Música de Primeira

TRIO PAINEIRAS

Batista Jr. – Clarineta

Marco Catto – Violino/Viola

Marina Spoladore – Piano

 

Data: 03/12/2015, quinta-feira

Horário: 19:30h

ENTRADA FRANCA

Local: Primeira Igreja Batista do Rio de Janeiro (Tel.: 2197-0900)

Rua Frei Caneca, 525 – Estácio (Em frente ao Hospital da Polícia Militar)

De Metrô, acesso pela estação Estácio ou Pça. XI

Vagas para 20 carros no interior da Igreja

Transmissão ao vivo: http://new.livestream.com/pibrj/smp

Acompanhe a Série Música de Primeira:

www.musicadeprimeira.wordpress.com

http://www.twitter.com/musicaprimeira

http://www.facebook.com/seriemusicadeprimeira

www.pibrj.org.br

Quarteto de Saxofones Quartessência na edição 5 de novembro da Série Música de Primeira.

23 de outubro de 2015

QUARTESSENCIA_nA Série Música de Primeira apresenta o ascendente quarteto de saxofones QUARTESSÊNCIA, na edição de 5/nov. Composto por – Vinicius Macedo (sax tenor), Gilberto Pereira (sax soprano) substituído por Welsten Leopoldino, Liana Magalhães (sax barítono) e Denize Cerqueira (sax alto), o grupo apresenta um repertório eclético, prometendo agradar os mais exigentes paladares musicais.

Formado em 2010 por quatro jovens saxofonistas atuantes no cenário musical carioca, o “Quartessência” é um conjunto de música de câmara que busca divulgar e valorizar o repertório de música instrumental para esta formação. Apesar da forte influência da música brasileira, o quarteto de saxofones “Quartessência” tem como característica a versatilidade, transitando nos mais variados estilos musicais, tais como: choro, maxixe, baião, samba, frevo, tango, salsa e jazz.

O grupo também desenvolve concertos didáticos, apresentando ao público uma breve história do saxofone, dos compositores, e suas respectivas obras selecionadas para aquela ocasião. O “Quartessência” procura incentivar novos compositores e arranjadores a produzirem para quartetos de saxofone, como na peça “Bachianas Brasileiras Nº4, de Villa Lobos, arranjada por Guilherme Andreas, para o concurso de câmara do 50º Festival Villa- Lobos.

No ano de 2011, gravou o programa ao vivo “Sala de Concerto”, produzido pela Rádio Mec, apresentando ao público obras de compositores como Hermeto Pascoal, Guerra Peixe, Pedro Iturralde, Villa Lobos etc.

Nos anos de 2011 e 2012, participou da 49ª e 50ª edição do Festival Villa Lobos, se apresentando com grande sucesso, recebendo elogios da crítica especializada em música. Além disso, foi finalista do concurso de música de câmara deste mesmo festival.

Entre os lugares onde se apresentou estão o Museu Villa Lobos, Centro Cultural da Justiça Federal, Santo Scenarium, FIOCRUZ, Casa da Leitura, Casa da Ciência da UFRJ e importantes salas de concerto do Rio, como a Sala da Congregação e o Salão Leopoldo Miguez da Escola de Música da UFRJ, esta onde o quarteto se originou. Em 2014, o Quartessência foi convidado para participar das comemorações do centenário do Gaúcho Corta-Jaca, obra da pianista e compositora brasileira Chiquinha Gonzaga, considerada o marco de alforria da música brasileira. Através de um arranjo inédito encomendado especialmente para o quarteto, feito pelo trompetista e compositor Gilson Santos, foi realizada uma gravação/filmagem para esta ocasião. Atualmente, o quarteto prepara seu primeiro cd com obras de compositores brasileiros.

PROGRAMA:

  • Fon-Fon– Ernesto Nazareth / Arr: Vinícius Macedo
  • O Ovo – Hermeto Paschoal-/Arr: Douglas Braga
  • Rosa– Pixinguinha/ Arr: Carlos Almada
  • Nativo– Lucas Porto/ Dedicado ao Quartesência.
  • Saxophone Quartet– Vitor Assis Brasil
  • Quartour– Pierre Max Dubouis-
    • Ouverture
    • Doloroso
    • Spirituoso
    • Andante, Presto
  • Gaúcho Corta-Jaca– Chiquinha Gonzaga/ Arr. Gilson Santos
  • Suite Pernambucana de Bolso– Maestro Duda/Arr. Marco Túlio –
    • Caboclinho
    • Serenata
    • Coco
    • Frevo
  • Frevo– Egberto Gismonti/ Arr. Marco Túlio.

SERVIÇO:

Série Música de Primeira

Quarteto de Saxofones Quartessência

Vinicius Macedo (sax tenor)

Gilberto Pereira (sax soprano), substituto Welsten Leopoldino

Liana Magalhães (sax barítono)

Denize Cerqueira (sax alto)

https://www.facebook.com/quartessencia

https://twitter.com/quartessencia

https://instagram.com/quartessenciasax/

Data: 05/11/2015, quinta-feira

Horário: 19:30h

ENTRADA FRANCA

Local: Primeira Igreja Batista do Rio de Janeiro (Tel.: 2197-0900)

Rua Frei Caneca, 525 – Estácio (Em frente ao Hospital da Polícia Militar)

De Metrô, acesso pela estação Estácio ou Pça. XI

Vagas para 20 carros no interior da Igreja

Transmissão ao vivo: http://new.livestream.com/pibrj/smp

Acompanhe a Série Música de Primeira:

www.musicadeprimeira.wordpress.com

http://www.twitter.com/musicaprimeira

http://www.facebook.com/seriemusicadeprimeira

www.pibrj.org.br

Banda Filarmônica do Rio de Janeiro convida Quinteto Rubato para concerto na Série Música de Primeira.

9 de setembro de 2015

Um encontro esperado acontece na edição de 08 de outubro na Série Música de Primeira. Desta vez, a Banda Filarmônica do Rio de Janeiro será a anfitriã do Quinteto Rubato, excelente grupo de metais espanhol, em turné no Brasil. Entre peças inusitadas e tradicionais, os grupos já conhecidos por suas performances grandiosas apresentarão peças inéditas.

O Quinteto Rubato realiza uma turnê pelo Brasil, onde fará 5 concertos nas cidades de Cubatão, Santos, Rio de Janeiro e Niterói. Um dos principais projetos que nos leva a Brasil é a estreia da obra “Symphonic Sketches” do compositor Andrés Álvarez e que interpretaremos junto com a Banda Sinfônica do Cubatão e a Banda Filarmônica do Rio de Janeiro.

foto quinteto rubato recortado

A Orquestra de Sopros Banda Filarmônica do Rio de Janeiro – BFRJ é uma associação cultural sem fins lucrativos que tem como objetivo principal a execução da música para sopros e percussão em seu mais alto nível. Composta por 60 músicos, a BFRJ tem levado, desde sua fundação em 2010, música de qualidade a todos os estratos da sociedade tendo se apresentado em diversos espaços culturais e eventos importantes no cenário cultural do Estado do Rio de Janeiro.19973257183_9cdd727c81_n Em 2015 a BFRJ realiza a sua Temporada Artística na qual apresentará mais de 30 concertos em diversos espaços culturais da cidade com patrocínio da Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro e Secretaria Municipal de Cultura.

Antonio Henrique recorte banda-niteroi-069A Direção Artística está a cargo do Maestro Antonio Seixas, Doutor em Memória Social pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO) e Mestre em Música pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), onde atuou como Professor de Trombone e Tuba nos períodos de 2001 a 2004, e 2006-2007.

Antonio Henrique Seixas é trombonista da Orquestra Sinfônica Brasileira desde 1997. Estudou trombone com Sérgio de Jesus e Gilberto Gagliardi, no Brasil, e Per Brevig, nos Estados Unidos. Em 1997 foi vencedor do III Prêmio Weril para Jovens Solistas de Instrumentos de Sopro.  Foi vencedor, por duas vezes, do Concurso para Solistas da Orquestra Sinfônica da Escola de Música da UFRJ. Apresentou-se ainda, como solista, com a Orquestra Sinfônica de Sergipe, Banda Sinfônica da CSN, Banda Sinfônica do Colégio Salesiano, Grupo de Metais e Percussão da UFRJ e UFRJazz Ensemble. Mantém intensa atividade didática ministrando cursos e master classes por todo o Brasil.

Dedica-se também desde 2001, paralelamente às atividades como instrumentista, à regência tendo participado de aulas e cursos com os maestros Isaac Karabtchevsky, no Brasil,  Douglas Bostock e David Effron, em Portugal e nos Estados Unidos respectivamente. Ministrou em julho de 2008 e 2009 a Oficina de Prática de Banda Sinfônica do XV e XVI Festivais Internacionais de Inverno de Domingos Martins (ES). Foi o Diretor Artístico do I e II Encontro de Metais do Sul Fluminense, realizados em janeiro de 2010 e julho de 2012 na cidade de Barra Mansa. Ministra o curso de Regência de Banda no Projeto Banda Larga desde 2011. Participou, em 2012, da XXX Oficina de Música de Curitiba ministrando os cursos de Prática de Banda Sinfônica e Prática de Brass Ensemble.

Entre os grupos que já dirigiu destacam-se: Orquestra Sinfônica Brasileira, Orquestra Sinfônica Nacional da UFF, Orquestra Sinfônica do Recife, Orquestra Sinfônica de Barra Mansa, Orquestra Sinfônica Brasileira Jovem,  Camerata Bosísio, Banda de Música de Pontevedra (Espanha), Banda Militar do Porto e Banda Filarmônica Matos Galamba (Portugal), Banda Sinfônica de Barra Mansa e Conjunto de Metais da Orquestra Petrobrás Sinfônica.

Atualmente é Diretor Artístico e Regente Titular da Banda Filarmônica do Rio de Janeiro e membro da WASBE (World Association for Symphonic Bands and Ensembles).

O QUINTETO RUBATO

A pianista concertista Késia Decoté se apresenta na Série Música de Primeira.

21 de agosto de 2015

Em visita ao Brasil após uma ano imersa em estudos do doutorado e concertos pela Europa, a concertista Késia Decoté compartilha com o público da Série Música de Primeira o seu bom gosto em performances contemporâneas ao piano, na edição de 03 de setembro da Série Música de Primeira.

Sem deixar de lado as obras clássicas de concerto, Késia também mostrará seu talento e interação com o instrumento numa exímia execução de obras ao piano no concerto “para ela”, alusão ao movimento contra a exploração sexual de meninas e adolescentes.

IMG-20150821-WA0003

HISTÓRICO:

Késia Decoté é natural de Vitória, ES. É Bacharel e Mestre em Piano pela UFRJ, e Mestre em Artes Contemporâneas e Música pela Oxford Brookes University (Inglaterra).

Em sua formação acadêmica, Késia teve como professores Célia Ottoni, Luiz Senise e Myrian Dauelsberg (piano), Claudio Dauelsberg (piano popular) e Ray Lee (Artes Contemporâneas).

Késia foi uma das fundadoras do grupo PianOrquestra, e atualmente integra o grupo Oxford Improvisers (Inglaterra).

Atualmente Késia está cursando o doutorado em Artes Contemporâneas e Música na Oxford Brookes University, com bolsa do CNPq, onde tem pesquisado estratégias interdisciplinares para o recital de piano.

Késia é membro da PIBRJ, porém durante este período de estudos em Oxford (Inglaterra), frequenta a Cowley Road Methodist Church [Igreja Metodista de Cowley Road], também colaborando como pianista voluntária nos cultos dominicais.

kesiadecote.wordpress.com

PROGRAMA:

1ª PARTE

Projeto “para ela”

  • L.V. Beethoven – Para Elisa (trecho)
  • Debussy – A menina dos cabelos cor de linho
  • Pärt – Para Alina
  • Ligeti – Para Irina (trecho)
  • Ginastera – Dança da moça graciosa
  • Villa-Lobos – Uma camponesa cantadeira
  • Pärt – Para Anna Maria

e histórias reais recontadas com as vozes de Milena Goulart, Danielle Schlossarek, Morena Madureira e Beatriz Moreira Lima.

2ª PARTE

Música Contemporânea para Piano e para Piano de Brinquedo

  • Silvia Berg (BRA) – El sueño… el vuelo [O sonho… o vôo] (2010)

Silvia Berg buscou inspiração no quadro La Columna Rota e na Casa Azul da artista mexicana Frida Kahlo para compor El sueño… el vuelo. Esta peça é parte da coleção Canto de la Monarca: Mujeres en México, a qual tem a borboleta Monarca como símbolo de persistência e valor apesar de um corpo frágil, pensando que esta borboleta voa todos os anos por milhares de quilômetros até encontrar o seu santuário no México. (notas da compositora)

  • Marisa Rezende (BRA) – Miragem (2009)

“Miragem explora distorções que as sonoridades do teclado apresentam quando trabalhadas juntamente com ataques de baquetas nas cordas do instrumento, criando um jogo que parafraseia o título”. (notas da compositora)

  • Stephen Montague (USA/ UK) – Almost a Lullaby [Quase uma canção de ninar] (2004), para piano de brinquedo, sinos de vento e caixinha de música. (OBRA INÉDITA NO BRASIL)

Almost a Lullaby segue algumas das características básicas de uma canção de ninar… porém, pelo meio do caminho, sai um pouco fora da rota, meio sonolenta, até finalmente cair em sono silencioso e tranquilo. (notas do compositor)

SERVIÇO:

SÉRIE MÚSICA DE PRIMEIRA

Pianista: Késia Decoté

DATA: 03/set/2015 – quinta-feira

HORÁRIO: 19:30 HORAS

LOCAL: PRIMEIRA IGREJA BATISTA DO RIO DE JANEIRO

              RUA FREI CANECA, 525 – ESTÁCIO/CIDADE NOVA (Em frente ao Hospital da Polícia Militar)

TEL.: 2197-0900

ENTRADA FRANCA

(Vagas para 20 veículos, conforme chegada.)

Transmissão ao vivo: http://new.livestream.com/pibrj/smp

Acompanhe a Série Música de Primeira:

www.musicadeprimeira.wordpress.com

http://www.twitter.com/musicaprimeira

http://www.facebook.com/seriemusicadeprimeira

www.pibrj.org.br

Cultos ao vivo: http://www.pibrjtv.com.br

Série Música de Primeira recebe o 21º Festival Rio Cello Encounter.

5 de agosto de 2015

Pelo quarto ano consecutivo a SMP realiza uma parceria com o 21º Festival Rio Cello Encounter (http://riocello.com), apresentando concertos primorosos e músicos de altíssima performance nos cenários nacional e internacional. Diferentemente da tradicional primeira quinta-feira do mês, em função do Festival alteramos para o dia 20, a edição de agosto de nossa Série.

Arte Rio Cello Encounter 2015Nesta edição teremos a oportunidade de apresentar os músicos Antônio Carrasqueira (flauta); Guilherme Scarrapan (violão); Daniel Sorour (cello); e Quinteto Brasileiro de Metais, composto por (Paulo Mendonça, trompete | Luciene Portella, trompete | Francisco Soares, trompa | Wanderson Cunha, trombone | Carlos Vega, tuba)

No Repertório:
J. S. BACH – Suíte nº 3 em Do Maior
A. PIAZZOLLA – História do Tango
I. Bordel 1900
II. Café 1930
III. Night Club 1960
IV. Concert 1990
T. MORLEY – Three Elizabethan Madrigals
G. GABRIELLI – Canzona per sonare
S. SCHEIDT – Canzona Bergamasca
A. SCARLATTI – Aria e Minueto
A. SULLIVAN – H. M. S. Pinafore
G. GAGLIARD – Cantos nordestinos
E. NAZARETH – Brejero | Odeon
PIXINGUINHA – Lamento | Carinhoso

Sobre o Festival Rio Cello Encounter

O Rio Cello foi criado em 1994 por David Chew, músico inglês radicado e apaixonado pelo Brasil, como uma forma de homenagear o maestro Heitor Villa-Lobos, sua maior inspiração. O sonho de Chew era popularizar a música clássica, levando seu poder de transformação social ao espaço público e a comunidades cariocas, como a Maré e Pavão Pavãozinho. No início, era um encontro de violoncelistas, mas o projeto cresceu e hoje recebe diversos instrumentos e múltiplas linguagens artísticas. Assim, o festival alcançou com louvor seu principal objetivo que é incluir a música na vida diária das comunidades e, desta forma, promover a integração social no Rio de Janeiro através da difusão da música clássica e revelar novas e promissoras safras de artistas.

Visite o site do Festival http://riocello.com e saiba onde ocorrerão os concertos e performances trazidos pelo 21º Rio Cello Encounter na Cidade do Rio de Janeiro neste mês de agosto.

Sobre a Série Música de Primeira

A Série Música de Primeira é uma iniciativa da OPIB-Orquestra apoiada pelo Ministério de Música da Primeira Igreja Batista do Rio de Janeiro que acontece toda primeira quinta-feira do mês, de março a dezembro. Sempre com entrada franca, a SMP tem como objetivo abrir espaço para concertos de música de câmara e performances musicais executadas por instrumentos de orquestra.

Nos seis anos da Série, vários expoentes da música de câmara nacional e internacional têm dividido seu talento com o público carioca. A Série Música de Primeira integra regularmente o circuito dos festivais Rio Cello Encounter e o Internacional de Trombone da UNI-RIO. (Colaboração: Taísa Fortes)

Serviço:

Série Música de Primeira

Grupo: Antônio Carrasqueira (flauta); Guilherme Scarrapan (violão); Daniel Sorour (cello); e Quinteto Brasileiro de Metais

Programa: Obras de Bach, A. Piazzolla, T. Morley, G. Gabrielli, S. Scheidt, A. Scarlatti, A. Sullivan, G. Gagliardi, E. Nazareth e Pixinguinha

Data: 20 de agosto de 2014, quinta-feira.

Horário: 19h30min

ENTRADA FRANCA

Local: Primeira Igreja Batista do Rio de Janeiro – Tel.: 2197-0900

Rua Frei Caneca, 525 – Estácio (Em frente ao Hospital da Polícia Militar)

Acesso: De Metrô, estação Estácio ou Praça Onze

Vagas para 20 carros no pátio da Igreja, conforme disponibilidade.

Transmissão ao vivo: http://new.livestream.com/pibrj/smp

Acompanhe a Série Música de Primeira:

www.musicadeprimeira.wordpress.com

http://www.twitter.com/musicaprimeira

http://www.facebook.com/seriemusicadeprimeira

www.pibrj.org.br

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 747 outros seguidores